Processando...

Projeto Pedra-Sabão

Projeto Pedra-Sabão: diagnóstico da extração do mineral em Ouro Preto e Mariana

 

          A pedra-sabão começou a ser usada para esculturas de monumentos, por volta de 1755, especialmente nas cidades mineiras de Ouro Preto e Mariana. Com grande ocorrência na região central de Minas Gerais, o mineral foi largamente aplicado em obras de escultura ornamental religiosa, no período colonial, e sua utilização foi consagrada por grandes artistas da época, como Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho.

          Desde então, a pedra-sabão e minerais similares vêm sendo explorados para fins variados, com amplo emprego nas indústrias química, têxtil, cerâmica e, particularmente, na confecção de artigos artesanais (panelas, jogos e peças decorativas). Atualmente, um grande número de famílias da região encontra-se envolvido com essa atividade, e sua produção tem importante representatividade socioeconômica e cultural para Minas Gerais.

          Diante disso, o Instituto Centro CAPE e o Instituto Terra Brasilis desenvolveram um diagnóstico da atividade de exploração de pedra-sabão na região de Ouro Preto-Mariana nos aspectos referentes à questão mineral/ambiental e socioeconômica. O diagnóstico objetivou, particularmente, subsidiar a elaboração de projetos-piloto que visam melhorias na organização da produção, das relações de trabalho e da saúde ocupacional, adequação das atividades de lavra e beneficiamento às condições ambientais locais, melhorias tecnológicas e racionalização do uso da matéria-prima e reciclagem de resíduos.

          Fundamentalmente, através de futuros desdobramentos desse projeto, pretende-se buscar a capacitação das comunidades envolvidas de forma que possam vir a constituir núcleos produtivos organizados, economicamente viáveis e cujos processos produtivos sejam concebidos dentro dos princípios da gestão ambiental.

http://www.terrabrasilis.org.br/index.php/programa-artesanato-meio-ambiente-7/projeto-pedra-sabao-diagnostico-da-atividade-na-regiao-de-ouro-preto-e-mariana-mg