Processando...

FATACIL coloca Lagoa na corrida ao Prémio Nacional de Artesanato

A votação está a decorrer, pela internet, até às 18h00 do dia 13 de dezembro, e vai ditar o vencedor deste prémio a que o município de Lagoa concorre na qualidade de entidade organizadora da FATACIL (Feira de Artesanato, Turismo, Agricultura, Comércio e Indústria de Lagoa).

A candidatura da Câmara de Lagoa a esta distinção destacou o grande investimento que a FATACIL tem vindo a fazer na promoção do artesanato, «dando oportunidades e criando incentivos para os artesãos de todas as regiões de Portugal participarem nesta feira que tem vindo a afirmar-se como um dos maiores certames nacionais».

O artesanato é um dos pontos altos do programa oficial da FATACIL que, em 2019, festejou a sua 40ª edição e tem, nos últimos 10 anos, dedicado um dos dez dias de evento a este labor tradicional.

O prémio para o qual o município de Lagoa está nomeado é atribuído pelo IEFP e tem como objetivo incentivar a produção artesanal, nas suas vertentes tradicional e contemporânea, distinguindo agentes e entidades públicas e privadas com intervenções relevantes na promoção das artes e ofícios.

O Instituto do Emprego (IEFP) disponibiliza no seu portal toda a informação sobre as candidaturas que se apresentam a votação nas várias categorias, bem como o endereço para votar por meio eletrónico, sendo que a cada utilizador não é permitido votar mais do que uma vez.

Recorde-se que o município de Loulé é outro dos finalistas desta prémio.